[ editar artigo]

três crianças, um papai, duas mamães

três crianças, um papai, duas mamães

- Quantos filhos você têm, mamãe?
- Um, filho. Você.
- E o papai têm três filhos, né?
- Sim, filhote.
- E nessa casa têm três crianças, né?
- Sim, filhote.
- Eu, o Fabicio, o Felipe.
- Sim.


Esse diálogo se repete mais dia, menos dia, sempre com a mesma conclusão: nessa casa têm três crianças.

Sim, filho.
Meu impulso seria dizer que, bem, que nossa família pode ser difícil pra uma criança de quatro anos entender: seus irmãos não me chamam de mamãe; você sabe que é meu único filho, mas que papai têm três; nessa casa têm três crianças, e eu sou a mãe de só uma delas.

Mas, que nada. 
Pra muito além de qualquer árvore genealógica, rótulo ou complexidade, a verdade é essa aí: nessa casa têm três crianças.

Mamãe é madrasta dos manos. Por isso eles me chamam de Júlia.
Papai é papai de você e dos manos. Por isso vocês todos chamam ele de papai.
E os manos têm uma mamãe: o nome dela é Mariana, mas você chama de a mamãe dos manos.


Eu não sei se você sabe, filhote, mas mamãe conheceu papai antes de ele ser papai dos manos. A gente estudava junto naquele prédio que nós dois visitamos um dia e você chama de "castelo", lembra? Mamãe e papai se conheceram lá, e papai não era papai de ninguém na época. Daí papai virou papai do Fabrício, depois do Felipe, daí mamãe e papai se reencontraram.

Sabe, mamãe não tinha vontade de ser mamãe de ninguém. Mas mamãe gostou tanto de ter duas crianças em casa que a vontade veio. E aí mamãe e papai fizeram você, e você nasceu.

A vida dos adultos, filho, pode ser mentirosa, pode ser complicada, pode ser uma bagunça. E quando você crescer mais talvez fique um pouco mais complicado de enxergar isso - os adultos, você sabe, às vezes não enxergam o que está cristalino à sua frente.

Se esse dia chegar e as coisas parecerem difíceis, filhote, eu te ajudo a lembrar da verdade pura, a única que importa, e que você me lembra mais dia, menos dia: na nossa casa têm três crianças.

Somos Madrastas
Julia Soll
Julia Soll Seguir

Mãe de um, madrasta de dois. Curiosa incansável, que mistura excel com intuição na hora de tomar decisões e se acha a-definição da sagitariana com ascendente em virgem. Escrevo sobre o bonito e o nem-tanto.

Ler conteúdo completo
Indicados para você