[ editar artigo]

Existem desafios maiores do que lidar com uma birra

Existem desafios maiores do que lidar com uma birra

Eu sou a Sue. Psicóloga, educadora parental e mãe de uma menina de 5 anos. Quando falo a idade da minha filha muitas pessoas me questionam o que me levou a trabalhar com mães/responsáveis de adolescentes. 

Comecei trabalhando com pais e responsáveis de crianças até que uma mãe de adolescente me procurou. Depois de saber que o filho estava se mutilando, ela tinha medo de deixar ele ir no banheiro sozinho e mesmo colocando ele na terapia, ela sentia que não seria suficiente. Ela precisava de apoio também.

No dia da orientação, conversamos sobre como ela poderia ajudar o filho. Falamos sobre conexão, diálogo, escuta atenta, padrões de educação.... Uma hora parece pouco para realmente fazer diferença. Mas fez.

Aquele atendimento me fez chorar. Pelos adultos preocupados, pelo adolescente que precisava ser visto, pela constatação de que existem desafios maiores do que ver uma criança se jogar no chão no meio do mercado. Meses depois essa mãe me escreveu "Achei que meu filho estava com problemas, mas todos nós precisávamos de ajuda"

A partir daquele dia tudo mudou. Pensei em cada vez que me senti ou vi outros adolescentes se sentirem sozinhos, cobramos, por um fio. Lembrei de cada assunto tabu que os meus e tantos outros pais/responsáveis não faziam ideia sobre como falar. Foi assim que meu trabalho começou.

Hoje estou aqui para te convidar a olhar para a adolescência de outra forma. Encarando os desafios, mas aproveitando as belezas de ver um ser humano se transformar em um adulto. 

Vem comigo?

Somos Madrastas
Sue Missé
Sue Missé Seguir

Psicóloga (CRP 152027), Educadora Parental em Disciplina Positiva e mãe.

Ler conteúdo completo
Indicados para você